Embaixada de Portugal em Estocolmo - Suécia

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Lisboa Capital Ibero-Americana da Cultura 2017
Print
There are no translations available.

Lisboa Capital Ibero-Americana da Cultura 2017

Lisboa é, desde 9 de janeiro e até 22 de dezembro, a capital Ibero-Americana da Cultura 2017, com uma programação que incui mais de 150 atividades, entre exposições e concertos, peças de teatro, visitas guiadas, residencias artísticas, exibição de filmes, colóquios, "workshops", um festival de arte urbana, espetáculos de dança, um festival de narração oral e uma feira do livro de fotografia.

A inauguração da exposição "Al final del paraíso", do artista mexicano Démian Flores, que teve lugar na galeria do Padrão dos Descobrimentos, marcou a abertura da programação, que pode ser consultada em www.lisboacapitaliberoamericana.pt.

Mais informação também disponível em:

 

embaixada_front-sm
Contactos
Narvavägen 30-32  2 Tr
115 22 Estocolmo
Suécia
Tel: +46 (0)8 545 670 60
[Ver Detalhe]
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

Destaques

There are no translations available.

Fundo solidário de apoio às vítimas dos incêndios - REVITA

Aproveitando esta oportunidade para renovar os agradecimentos do Governo a quem tenha manifestado interesse em apoiar as comunidades afetadas pelos graves incêndios que afetaram a região centro do país em junho passado, cumpre-nos informar que o Governo decidiu criar o REVITA, um fundo de âmbito social encarregue da gestão dos donativos (em dinheiro, espécie ou serviços) entregues no âmbito da solidariedade demonstrada.

Em estreita colaboração com os Municípios e com vista à revitalização das áreas afetadas pelos incêndios, o REVITA visa promover a reconstrução ou reabilitação de habitações e seu recheio. Pretende-se, deste modo, contribuir para uma maior eficiência na gestão dos recursos alocados a este Fundo e na sua afetação aos que deles necessitam, promovendo um reforço da celeridade em todo o processo de revitalização das áreas afetadas.

Mais informação poderá ser consultada na página internet www.fundorevita.pt, que tem como objetivo prestar informação acerca do funcionamento do Fundo, podendo as manifestações de solidariedade ou dúvidas sobre como apoiar as comunidades afetadas ser remetidas para o endereço de correio eletrónico geral@fundorevita.pt.